DIA 1 – Ganhar dinheiro na internet

597
0
COMPARTILHAR
como ganhar dinheiro na internet
como ganhar dinheiro na internet

Boas galera. Hoje resolvi que quero começar a ganhar dinheiro na internet. E quero dividir minhas experiências com vocês.

Na verdade eu já ganhei um bom dinheiro na internet, mas deu muito trabalho e consumia muito do meu tempo.

Não pretendo aqui te ensinar passo-a-passo de como ganhar dinheiro, mesmo por que eu ainda estou aprendendo como fazer isso. Mas vou tentar compartilhar com você minha experiência.




Sou um cara comum que tem um computador e acesso à rede, e que pretende tirar uma renda extra. Este é um diário de tudo o que estou fazendo para concretizar meu projeto de ganhar dinheiro na internet.

Como disse, tenho poucas horas, de 2 ou 3 horas por dia pra me dedicar a esse projeto. Parece pouco, mas se for feito direito e com qualidade vai dar certo. Uma dica: se você está empregado e pensa em ganhar a vida com a internet, não deixe seu emprego. Só faça isso se já tiver um bom pé-de-meia pra se sustentar.

Primeiros Passos de Como Ganhar Dinheiro na Internet

Primeiro quero que você tenha em mente que ganhar dinheiro na internet não é uma tarefa fácil. Eu, como muitas histórias que já vi na rede, já tive muitos fracassos e horas que pensei: é agora. Mas nada, ou quase nada.

Pessoas que se metem a ganhar dinheiro na internet têm a doce ilusão de que é só montar um site e ele se venderá. Pra esses, o meu hahaha, não é bem assim pequeno gafanhoto.

Existem alguns scripts aí no mercado que garantem que são totalmente automatizados. Eles dizem que gerarão lucros e renda com o seu mínimo esforço. Não caia nessa, o que esses sites querem na verdade é que você compre os produtos deles. Se eles tivessem achado a cura para a pobreza, eles mesmos a usariam, não venderiam, pode ter certeza.

Eu mesmo já gastei uma pequena fortuna na internet, procurando soluções mirabolantes para ganhar dinheiro só na mamata. Quem está no ramo e disser que não fez ou pensou nisso, está mentindo.

Voltando ao passado

Sempre ouvi dizer que era possível ganhar dinheiro na internet e de tanto ouvir isso eu mesmo acabei acreditando. Mesmo porque, pra mim, essa é uma tarefa até prazerosa, em que pese não trazer tanta renda quanto gostaríamos. Afinal, não é toda hora que aparece um Bill Gates ou um Mark Zukerberg e pode ter certeza, eles também ralaram pra estar onde estão.

Ainda me lembro a primeira vez que recebi uma mensagem, era uma tal de pirâmide, acho que o ano era 2005, até então eu sempre pensei em montar um site de classificados para minha cidade e tinha alguma experiência em HTML e hospedagens. A mensagem dizia que era possível ganhar dinheiro enviando dinheiro para outras pessoas. Era uma espécie de pirâmide e a única coisa que você deveria fazer era enviar R$ 5 para a conta de alguém, daí você subiria de posição e em pouco tempo receberia dinheiro de um monte de gente.

Bom, pra estreitar a conversa foi a primeira vez que aprendi que ganhar dinheiro na internet não era fácil e fiquei R$ 5 mais pobre. Foi quando resolvi comprar meu próprio domínio, o imperaportal.com, e tentar fazer um site igual aquele, a fim de gerenciá-lo. Achava que poderia ser mais honesto que o dono daquele site e fazer as pessoas ganharem dinheiro de verdade, além de mim, é claro. Mas daí, como sou formado em direito, fui ver a legalidade daquele negócio e descobri, assim como já desconfiava, que pirâmide é coisa proibida no Brasil. Deixei a ideia de lado.

Dica do Dia

E fica aqui a dica do dia: não subestime a internet, ela é muito mais dura do que parece, se não quer trabalhar, esse não é o seu lugar, não existe dinheiro fácil.

No decorrer dos meus diários, tentarei expor a vocês os métodos mais usados na atualidade para ganhar dinheiro na internet, trabalhando é claro, e colocá-los em pratica para em seguida relatar os experimentos pra vocês.

Por hoje é isso galera, na próxima edição do meu diário estarei contando um pouquinho mais do meu histórico e como consegui ganhar meus primeiros reais na internet. Até lá e se estão curtindo, curta aí, é importante pra nós.

Continua…

Comentários

comentários